Irmãs Servas dos Pobres - 132 anos de fundação



Há 132 anos, no dia 23/05/1880, Festa da Santíssima Trindade, em Palermo, Pe. Giácomo Cusmano concedia o hábito religioso a seis noviças, às quais Pe. Giácomo chamou de "Servas dos Pobres". As pioneiras da família religiosa do Beato Giácomo Cusmano foram: Irmã Madalena Vicenzina Cusmano, Irmã Maria Madalena Cusmano, Irmã Maria Rosaria Caravello, Irmã Maria Naimo, Irmã Maria Poietra Naimo e Irmã Maria Sofia Winter.
As irmãs foram de grande ajuda para o Pe. Giácomo levar em frente a sua belíssima obra de serviço aos mais necessitados. E a fundação delas se deu justamente num período em que o Beato Padre passava por dificuldades em sua obra: ele pensava em entregá-la para que alguma Congregação a mantivesse; no entanto, por esse período Pe. Giácomo teve um sonho misterioso no qual apareceu Nossa Senhora abençoando a obra e dando forças para ele prosseguir seu caminhar: sua obra era uma obra de Deus! E foi assim que surgiu as Irmãs Servas dos Pobres. 
Leia abaixo um trecho de uma carta do próprio Beato Giácomo Cusmano e acesse também endereços eletrônicos em que poderá conhecer um pouco mais as Servas dos Pobres.

A FUNDAÇÃO DAS IRMÃS SERVAS DOS POBRES




No Brasil as Servas dos Pobres estão presentes desde 1978, com o Instituto Mãe da Misericórdia, que tem por meta e finalidade servir à comunidade sem interesses financeiros. 
Para conhecer um pouco mais sobre a vida e missão das Servas dos Pobres, acesse (clicando nas figuras):








← Postagem mais recente Postagem mais antiga → Página inicial

0 comentários:

Postar um comentário

Curtiu? Então Comente e Compartilhe!